sábado, 22 de outubro de 2011

28º Encontro do Geração Ágape - 22/10/2011 - Preparação para 15ª Romaria da Juventude



TEMA: A fé enraizada em Cristo é vivida junto aos irmãos e se torna testemunho para o mundo.

OBJETIVO: Hoje somos convidados a refletir sobre a necessidade de crescer na Fé, sobre como podemos fazer isto e sobre nossa missão de testemunhar esta mesma Fé n mundo, não esquecendo que ninguém pode alcançar o céu sozinho.

Palavra a ser refletida: Gênesis 18, 9-12; 21,1.5-7; 22, 1-18

Gênesis 18, 9-18
E disseram-lhe: "Onde está Sara, tua mulher?" E ele disse: "Ela está na tenda." 
10 O Senhor disse: "Eu certamente irá retornar para você nesta época do ano que vem, e Sara, tua mulher terá um filho. "E Sara estava escutando à porta da tenda atrás dele. 
11 Ora, Abraão e Sara eram velhos, avançados em idade. O caminho das mulheres tinham deixado de estar com Sarah. 
12 Então Sarah riu para si mesma, dizendo: "Depois que eu estou desgastado, e meu senhor é velho, terei prazer?"

Gênesis 21, 1
1 O Senhor visitou a Sara, como tinha dito, e lhe fez como havia prometido.

Gênesis 21, 5-7

Ora, Abraão tinha cem anos, quando lhe nasceu Isaque, seu filho.
Pelo que disse Sara: Deus preparou riso para mim; todo aquele que o ouvir, se rirá comigo.
E acrescentou: Quem diria a Abraão que Sara havia de amamentar filhos? no entanto lhe dei um filho na sua velhice.

Gênesis 22, 1-18
Sucedeu, depois destas coisas, que Deus provou a Abraão, dizendo-lhe: Abraão! E este respondeu: Eis-me aqui.
Prosseguiu Deus: Toma agora teu filho; o teu único filho, Isaque, a quem amas; vai à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre um dos montes que te hei de mostrar.
Levantou-se, pois, Abraão de manhã cedo, albardou o seu jumento, e tomou consigo dois de seus moços e Isaque, seu filho; e, tendo cortado lenha para o holocausto, partiu para ir ao lugar que Deus lhe dissera.
Ao terceiro dia levantou Abraão os olhos, e viu o lugar de longe.
E disse Abraão a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o mancebo iremos até lá; depois de adorarmos, voltaremos a vós.
Tomou, pois, Abraão a lenha do holocausto e a pôs sobre Isaque, seu filho; tomou também na mão o fogo e o cutelo, e foram caminhando juntos.
Então disse Isaque a Abraão, seu pai: Meu pai! Respondeu Abraão: Eis-me aqui, meu filho! Perguntou-lhe Isaque: Eis o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto?
Respondeu Abraão: Deus proverá para si o cordeiro para o holocausto, meu filho. E os dois iam caminhando juntos.
Havendo eles chegado ao lugar que Deus lhe dissera, edificou Abraão ali o altar e pôs a lenha em ordem; o amarrou, a Isaque, seu filho, e o deitou sobre o altar em cima da lenha.
10 E, estendendo a mão, pegou no cutelo para imolar a seu filho.
11 Mas o anjo do Senhor lhe bradou desde o céu, e disse: Abraão, Abraão! Ele respondeu: Eis-me aqui.
12 Então disse o anjo: Não estendas a mão sobre o mancebo, e não lhe faças nada; porquanto agora sei que temes a Deus, visto que não me negaste teu filho, o teu único filho.
13 Nisso levantou Abraão os olhos e olhou, e eis atrás de si um carneiro embaraçado pelos chifres no mato; e foi Abraão, tomou o carneiro e o ofereceu em holocausto em lugar de seu filho.
14 Pelo que chamou Abraão àquele lugar Jeová-Jiré; donde se diz até o dia de hoje: No monte do Senhor se proverá.
15 Então o anjo do Senhor bradou a Abraão pela segunda vez desde o céu,
16 e disse: Por mim mesmo jurei, diz o Senhor, porquanto fizeste isto, e não me negaste teu filho, o teu único filho,
17 que deveras te abençoarei, e grandemente multiplicarei a tua descendência, como as estrelas do céu e como a areia que está na praia do mar; e a tua descendência possuirá a porta dos seus inimigos;
18 e em tua descendência serão benditas todas as nações da terra; porquanto obedeceste à minha voz.

O Dom de Deus promete muitas vezes parecer impossível e até mesmo sem cabimento para os homens.
O nascimento do filho da promessa é um desafio à natureza e à compreensão humana. Para Deus nada é impossível.
Abraão para que era firme na fé. Mostrou a Deus que poderia sacrificar seu filho.
Deus tira todas as seguranças de Abraão, para lhe fazer sua promessa e entregar´lhe seu dom. muitos obstáculos parecem tornar impossível a realização desse dom e promessa (VELHICE, ESTERILIDADE).
Deus não promete nova segurança para o homem se acomodar, pelo contrário, desafia o homem a estar sempre alerta, a fim de relacionar-se com Deus e criar uma nova história. Só assim o Projeto de Deus não será confundido com as limitações dos projetos humanos.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

15ª Romaria Regional da Juventude

Faltam apenas 10 dias para acontecer a 15ª Romaria da Juventude na Serra do Lima em Patu, todos na expectativa de chegar dia 30 de Outubro... Muita coisa está para acontecer na VIDA dessa Juventude Maravilhosa! Iremos estar cheio do Espírito Santo, cheio da Paz de Deus e do Amor de Maria!

Estamos com dois ônibus lotadíssimos, e com nossa alegria no Espírito Santo queremos contagiar a todos...
Estamos prontos para louvar e engrandecer o nome do Nosso Deus, porque Ele tudo fará por nós!

Vejam o vídeo abaixo em que foi lançado a 15ª Romaria da Juventude!

video

Que neste dia de muita animação você possa se encher do Espírito Santo e louvar a DEUS com todo o seu amor!
Neste dia, entregue sua VIDA nas mãos de DEUS, acredite Nele e principalmente em si mesmo...
Acredite que com a ajuda de DEUS você pode deixar aquela vida que nunca será a mesma, com a ajuda Dele, você não será a mesma pessoa de antes...
Uma coisa importante: Ame, somente ame porque o AMOR transforma tudo e todos! 


Vem, vem você também participar da Romaria da Juventude!

domingo, 16 de outubro de 2011

27º Encontro do Geração Ágape - 16/10/2011 - Preparação para 15ª Romaria da Juventude

TEMA: A cruz de Cristo nos revela o Amor de Deus solidário com os que sofrem.

OBJETIVO: Contemplando o mistério da cruz de Jesus, perceber que na cruz Deus manifesta todo seu amor por nós e nos convida a viver neste amor uns para com os outros, especialmente para com os mais pobres.

Palavra a ser refletida: Filipenses 2, 6-8

6 O qual, subsistindo em forma de Deus, não considerou o ser igual a Deus coisa a que se devia aferrar,
7 mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, tornando-se semelhante aos homens;
8 e, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, tornando-se obediente até a morte, e morte de cruz.

Os cristãos são convidados a abrir mão de todo e qualquer privilégio, até mesmo da boa fama, para colocar-se a serviço dos outros, até o fim.
Somos chamados por Deus num corpo diferente que é o corpo de Cristo para a Esperança.
Jesus Cristo aqui no nosso breve versículo, não deixou nenhum de seus atributos divinos, quando se tornou homem.

26º Encontro do Geração Ágape - 15/10/2011 - Preparação para 15ª Romaria da Juventude

TEMA: Edificados e enraizados na Palavra de Cristo somos verdadeiramente livres.
  OBJETIVO: Refletir sobre a liberdade que os jovens buscam em tantos lugares e de formas diferentes, procurando perceber que muitas vezes eles se tornam escravos. Descobrir Cristo e sua palavra como fontes da verdadeira liberdade.


O Evangelho a ser refletido no encontro: Mateus 7, 24-29
 24-27 Todos os que escutam as minhas palavras e as seguem são sábios, como o homem que constrói a sua casa sobre uma rocha sólida. Pode a chuva cair em bátegas, podem vir enchentes, os ventos tempestuosos embater na casa, que ela não desabará, porque se encontra edificada sobre a rocha. Mas quem ouve as minhas palavras e as despreza é insensato, como aquele que constrói a sua casa sobre a areia. Pois, quando vierem as chuvas e as enchentes, quando a ventania se abater sobre a sua casa, esta desabará inteiramente.

    28-29 As multidões ficavam pasmadas com os ensinamentos de Jesus, visto que os transmitia como alguém que tinha grande autoridade e não como os dirigentes judaicos.

Construir a casa sobre a rocha é viver e agir de acordo com a justiça do Reino apresentada no Sermão da Montanha. Construir a casa sobre a areia é ficar na teoria, sem passar para a prática.
A autoridade de Jesus não se baseia em tradições ou sistemas, e sim na sua própria pessoa. Ele vive e pratica o que ensina aos outros.